Casa do nosso jardim

Nossa história começa em 2014, quando na comuna 6 da cidade de Quibdó, especificamente no bairro da área de El Jardin/mineração, setor “La victoria”, começou o projeto Global Entertainment, convocado por Jhon Neiver Borja Robledo, jovem nativo da cidade de Quibdó, produtor musical e advogado da Universidade Tecnológica do Chocó, que com a convicção decisiva de transformar realidades adversas decide semear a paz. É assim que surge o  projeto que, através da música urbana, busca contribuir para a redução e transformação de problemas de violência frequentes na cidade, como a participação de jovens em múltiplos atos criminosos e violentos. Além disso, busca proporcionar um espaço para o entretenimento e para o uso do tempo livre a esses jovens, que dia após dia lutam para não serem parte ativa de eventos conflituosos e violência. Assim, nas reuniões de produção e gravação musical, esses jovens encontram o meio ideal de se expressar livremente e sentir que estão lutando contra as desigualdades sociais.

Em 2015, o projeto ganha força, pessoas diferentes juntam-se à causa. Entre elas Leydi Manuela Mosquera Palacios, como gerente social, que após 3 anos (2018), e com o intuito de contribuir para o sonho geral de diminuir a participação dos jovens em atos criminosos, propõe e decide que uma mudança deveria ser feita, com a constituição legal de um grande projeto, onde devem ser considerados não apenas temas musicais, mas também temas relacionados a expressões artísticas, culturais e esportivas, dando importância vital à promoção de habilidades para a vida como ferramenta transformadora da realidade, para que qualquer ser humano possa enfrentar com sucesso as demandas e os desafios da vida cotidiana em diferentes contextos. Foi assim que a Fundação Sementes de Oportunidades surgiu, tornando-se a materialização do sonho da sua fundadora, uma jovem do município de Unguia – Chocó, que estudou cuidados abrangentes na primeira infância e atualmente é estudante de Comunicação Social na Universidade Nacional Aberta e à Distância. Junto com seu parceiro, e reconhecendo a importância do trabalho em equipe, convocou um grupo de amigos (cofundadores), de diferentes partes do Chocó, com um sonho em comum. Juntos eles decidiram unir forças para trabalhar na fundação “Semillas de oportunidades”, uma organização sem fins lucrativos, cujo objetivo é oferecer oportunidades para a melhoria da qualidade de vida de crianças e adolescentes em áreas de alta vulnerabilidade, promovendo habilidades para a vida e dando visibilidade a cultura, arte e esporte.

O nome da fundação nasce da análise reflexiva entre o significado do processo de plantar uma semente e as oportunidades que às vezes surgem, ou seja, as sementes são aquelas oportunidades que estamos dispostos a oferecer (plantar) às crianças, jovens e adolescentes, para que eles possam alcançar melhores padrões de vida.

Sementes que, desde a fundação, ousamos plantar e irrigar dia a dia, acreditando que no curto, médio ou longo prazo elas vão se tornar oportunidades para melhorar a qualidade de vida da população beneficiária.